AgriculturaAgronegócioDestaque

Ministério da Agricultura recebe da CNA proposta dos produtores rurais para o Plano Safra

Lançamento do Plano 2019/2020 está marcado para o dia 12 de junho

20views

Um plano que contemple tanto a agricultura familiar como a empresarial é o objetivo da proposta dos produtores rurais para o Plano Safra 2019/2020 entregue nesta quinta-feira (2) pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) à Secretaria de Agricultura Familiar do Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento.

Entre as propostas apresentadas estão a disponibilidade de recursos com taxas compatíveis, especificamente ao pequeno proprietário rural, o fortalecimento do Pronaf Semiárido e a previsibilidade dos recursos não só do crédito, mas o seguro rural.

O secretário de Agricultura Familiar, Fernando Schwanke, disse que o documento é resultado das necessidades apresentadas pelos próprios produtores.

“A CNA tem dado uma contribuição importante para este governo, a principal é ouvir os produtores e traz até o Ministério da Agricultura um documento muito bem elaborado com propostas muito concisas. O Ministério tem trabalhado como uma das prioridades desenvolver os assentamentos que foram realizados no Brasil, nós temos em torno de 1 milhão de famílias que estão nesses assentamentos e que precisam ser incorporados nas cadeias produtivas de todas as regiões do país. Para levar tecnologia é preciso levar a assistência técnica, pessoas capacitadas que conhecem os temas e que levam até os produtores as melhores práticas para que esses produtores possam produzir de forma eficiente e eficaz e que possam estar no mercado de forma competitiva”, disse Schwanke.

 O secretário de Política Agrícola do Mapa, Eduardo Sampaio, também participou da reunião. Ele tranquilizou o produtor rural e disse que a estabilidade será uma das marcas do Plano Safra para a garantia de recursos com taxas compatíveis para a próxima safra. “O produtor pode esperar uma estabilidade, que vai ter recurso para fazer a safra que vem com taxas compatíveis com a atividade dele”, afirmou Sampaio.

O superintendente técnico da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), Bruno Lucchi, destacou que as propostas apresentadas atendem as necessidades dos produtores em cada região do país. “Não só para agricultura familiar, mas para regiões. Nós colocamos para a região semiárido por exemplo, o fortalecimento do Pronaf Semiárido, que é uma linha específica para região”.

O lançamento do Plano Safra 2019/2020 está marcado para o dia 12 de junho.

Leave a Response