AgriculturaDestaque

ABRAFRUTAS DEBATE EXPANSÃO DA ÁREA LIVRE DA MOSCA-DA-FRUTA

O objetivo é atender as exigências dos países importadores que caracterizam a espécie como praga quarentenária

12views

Abrafrutas

A Associação Brasileira dos Produtores Exportadores de Frutas e Derivados (ABRAFRUTAS) esteve reunida ontem (5), em Natal, com o superintendente federal do ministério da Agricultura no Rio Grande do Norte, Roberto Carlos Razera Papa para debater a expansão da área livre da mosca-da-fruta.

Com o objetivo de atender as exigências dos países importadores que caracterizam a espécie como praga quarentenária, o Instituto de Defesa e Inspeção Agropecuária do RN apresentou o projeto de ampliação da Área Livre da Praga Mosca-das-fruta (Anastrepha grandis) – ALP.

De acordo com o presidente da Abrafrutas e Comissão Nacional de Fruticultura do CNA, Luiz Roberto Barcelos, alguns municípios já são reconhecidos como área livre, porém outros municípios do Rio Grande do Norte, como Apodi, Governador Dix-Sept Rosado, Felipe Guerra, Caraúbas, Macau, Pendências, Jandaíra e Pedro Avelino precisam deste reconhecimento.

“Poderemos plantar melões em outros municípios do estado onde, atualmente, não é reconhecida como área livre, por tanto tem restrição de exportação. Após a ampliação do reconhecimento, essas áreas poderão ter suas frutas exportadas”, disse Barcelos.

Esteve presente na reunião representantes da Agência de Defesa Sanitária do Estado e do Ministério da Agricultura no Rio Grande do Norte.

Leave a Response